Sobre nós

Nossa história
Vidas dedicadas ao Ammor

História

Em junho de 2006, um dos projetos coordenados pela Dra. Irene Adams fechou. Tratava-se da Clínica Nossa Senhora da Conceição (CNSC), projeto da Arquidiocese de Belo Horizonte, que atendia pacientes com câncer terminal e HIV/AIDS. Com isso, os projetos sociais que nasceram na CNSC ficaram órfãos e Dra. Irene resolveu integrá-los ao escopo da Clínica AMMOR, chamando-os de Projeto Ammor.

O foco continua sendo o desenvolvimento humano através do trabalho com pessoas excluídas ou em desvantagem social. Assim, o Projeto Ammor integra ações como o Projeto COMVIDHA, de assessoria jurídica; o Projeto Papel e Cia, de capacitação através de oficinas de artes; a Academia de  Ginástica Movimento Saúde, a Cooperativa Grupo Solidário, e a Clínica AMMOR, de check up de crianças e adolescentes em risco social.

 

801_0135.JPGJulho 2006 041.jpgBelo Horizonte, 30 de Janeiro de 2007 Fotografias do projeto AMMOR Foto: Victor SchwanerJulho 2006 053.jpg

 

No Projeto Ammor é criada uma cultura de saúde. As pessoas passam a procurar os médicos para se informar e se prevenir contra as doenças e conseguem resgatar valores que estavam perdidos como a auto-estima, a cidadania e a convivência com família, que passa a apoiar e a compreender melhor a realidade das pessoas com HIV.

 

Ammor ao próximo

Missão

O Projeto Ammor é formado por um conjunto de projetos que buscam promover o desenvolvimento humano através do trabalho com pessoas excluídas ou em desvantagem social. Pretendemos resgatar nas crianças e jovens em situação de risco valores que estavam perdidos como a auto-estima, a cidadania e a convivência com a família.

O primeiro destes Projetos é a Clínica AMMOR (Ação Multiprofissional com Meninos em Risco) que tem como objetivo geral – “Educar para a vida, considerando a unicidade e capacidade inata do ser humano de vir a ser, buscar e instigar a autonomia de decisão e autoestima, promover a formação do jovem autônomo, solidário e competente, promovendo a saúde e qualidade de vida de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, a partir de um acompanhamento transdisciplinar com uma metodologia inovadora, interativa, educativa e eficaz”.

Certificações

Documentos e certificados das entidades associadas ao Projeto Ammor.
ASAS – Associação Saúde Solidário
Salus – Associação para Saúde

Certificado de Qualificação como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP – publicado no Jornal Minas Gerais, de 14/12/2005.
Projeto de Lei 657/2007
Declaração de Utilidade Pública Estadual a Associação Saúde Solidária – ASAS.
Declarada Utilidade Pública Municipal em 2007
Estatuto – Saúde Sólidária
Estatuto da Associação Saúde Solidária.

Alvará / Licença
Alvará de Localização e Funcionamento da Salus – Associação para a Saúde.
Atestado de Cadastramento de Entidade de Assistencia Social
Cadastro da Salus – Associação para a Saúde – na Secretaria do Estado do Trabalho, da Assistência Social, da Criança e do Adolescente.
Carta Gestão Pública e Cidadania
Parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, parabenizando pelo programa Miguilim, escolhido como uma das vinte melhores iniciativas de Governos Subnacionais Brasileiros.
Certificado de Registro
Registro da Salus – Associação para a Saúde – no Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.
Estatuto – Salus
Estatudo da Salus – Associação para a Saúde.
Inscrição Cadastral
Inscrição Cadastral da Salus Associação para a Saúde.
Inscrição no CMAS – BH
Inscrição no CMAS – BH (Conselho Municipal de Assistência Social de Belo Horizonte/MG)
Moção nº 2522
Moção nº 2522 de autoria do Vereador Antonio Pinheiro.
Moção nº 02619
Moção nº 02619 de autoria do Vereador Betinho Duarte.
Título Declaratório
Título Declaratório de Utilidade Pública à Salus Associação para a Saúde.

Ajude-nos a ajudar

Faça parte desta história